Dicas para utilização de elevadores

- DICAS PARA USAR O ELEVADOR CORRETAMENTE - 

 

Além de manter as manutenções em dia, é importante ter os cuidados necessários de segurança com o elevador para preservá-lo e evitar acidentes.

Nunca tente segurar ou abrir as portas com as mãos e não aperte os botões repetidas vezes, isso pode causar danos ao elevador
Algumas pessoas acreditam que segurar o as portas do elevador é uma boa maneira de mantê-lo aberto e que isso não causa problemas, mas é um ato que pode danificar seriamente o equipamento. As manutenções mais habituais são realizadas por causa das portas que são frequentemente forçadas, seja por uma pessoa que está com pressa ou alguém que está segurando-as para outra pessoa entrar na cabina.
 “Apertar os botões do painel repetidamente faz com que as portas do elevador se fechem ou se abram mais rápido?” Não, é apenas um mito que também causa danos ao equipamento, pois o elevador possui sensores que fazem as portas abrirem e fecharem automaticamente quando a cabina está alinhada com o pavimento.
Fique atento à sinalização das setas de subida e descida no painel externo do elevador  para ter a certeza de que ele está na direção que você deseja, e nunca aperte os dois botões (subida/descida) juntos,  pois isso evita paradas desnecessárias e otimiza o funcionamento do elevador.

 

Em casos de incêndio, nunca utilize o elevador.

São muitas as razões para que você não use o elevador quando o local está em chamas, mas a principal é sobre a queda no fornecimento de energia. O equipamento poderá sofrer uma parada e as pessoas ficarão retidas na cabina durante o incêndio, podendo causar diversas complicações e inclusive agravamento nas consequências. Então proteja-se e vá sempre pelas escadas do local.

Se uma pessoa ficar presa no elevador, deve-se manter a calma e entrar em contato com um responsável do local.

Está preso ou viu alguém que ficou trancado no elevador? Fique calmo e acione o botão de emergência de seu elevador, ele chama atenção do zelador ou portaria do local. Caso após o aviso sonoro e/ou chamada pelo intercomunicador, nenhuma pessoa conseguiu intervir,  você mesmo pode procurar o telefone da empresa responsável pela conservação do equipamento e solicitar atendimento.

Os resgates devem ser feitos apenas pelo Corpo de Bombeiros e a equipe responsável pelo elevador, pois são grupos de pessoas qualificadas para esse tipo de situação.

Nunca tente forçar as portas do elevador, pois você estará colocando em risco a sua vida e de outras pessoas ali presentes.

Lembre-se a utilização do botão de emergência deve apenas ser acionado nesse tipo de situação! Jamais dê alarme falso ou permita que uma criança o acione.

Evite que alguém ou até mesmo você passe por essa situação e invista em modernizações e nas manutenções preventivas do seu elevador.

Uma boa empresa especializada no seu elevador é  imprescindível para maior conservação do seu equipamento, com maior tempo de funcionamento e bom desempenho.

 

Nunca balance ou pule no elevador

Balançar o elevador ou pular dentro dele vai provocar a parada da cabina e causar uma pane que irá necessitar de uma manutenção corretiva, podendo reter os passageiros.

Curiosidade: um dos maiores mitos sobre elevadores é o de não se machucar ao pular num elevador em queda livre, pois você não tem como saber o momento exato do impacto da cabina no chão.

 

Todos os elevadores indicam a capacidade de pessoas e peso em kg que suportam. Cuide para não ultrapassá-los, porque isso pode sobrecarregar o equipamento e causar uma pane.

Você deve ter muito cuidado para não exceder o limite de peso do elevador, pois esse ato vai evitar que a cabina tenha seu bom desempenho afetado e todas as pessoas dentro dela fiquem com a segurança em risco, além de economizar dinheiro com uma possível manutenção corretiva, que é a de maior custo pelo fato de não ser agendada na grande maioria das vezes.
Todos os elevadores têm uma placa que informa o número de pessoas e o peso máximo em kg (quilograma) que a cabina suporta, e essa informação deve ser seguida rigorosamente para que imprevistos não ocorram e não prejudiquem o funcionamento do elevador.
Elevadores de serviço devem ter os pisos protegidos e as paredes também, estas preferencialmente com materiais acolchoados para evitar que as cargas pesadas danifiquem os painéis e botoeira.

 



Não use água em excesso para a limpeza dos elevadores e evite entrar naqueles que estiverem muito molhados

Molhar o elevador é o maior erro que você pode cometer na hora da limpeza, pois a cabina é feita de materiais muito sensíveis à água, tanto externamente quando internamente, que é onde toda a parte elétrica se encontra. Usar mangueiras e outros tipos de objetos de água corrente faz com que o líquido vaze para o poço do elevador e danifique todo o sistema ligado à eletricidade, causando uma pane e altos custos de manutenção, além da possibilidade de choque nos responsáveis pela limpeza, então tenha muito cuidado.

 




Se tiver um animal de estimação, pegue-o no colo ao utilizar o elevador. Isso evita que as portas se fechem ferindo o seu mascote

Sempre que possível, tente pegar o seu animal de estimação no colo. Geralmente, pelo peso do animal, os sensores do elevador não conseguem detectá-lo e a porta se fecha, fazendo com que o seu bichinho se machuque.
Uma boa dica, também, é se possível, transportá-lo através do elevador de serviço do prédio, já que muitas pessoas têm medo de alguns animais domésticos e isso causa uma situação desconfortável a todos.

 



Entre com cuidado na cabine se estiver com carrinhos de bebês ou cadeiras de rodas e não tenha pressa

Você estará carregando objetos grandes e com um peso considerável. Tenha cautela ao entrar na cabina com cadeiras de rodas, carrinhos de bebês ou até mesmo carrinhos de supermercado, pois todos os elevadores possuem um limite de peso suportado, o cuidado deve ser maior para que tais objetos não se encostem às paredes do elevador para que não as cause um arranhão ou mancha que não poderão ser retirados nem mesmo com a limpeza.